Centro de Fortaleza é palco para a cultura cearense

Ampla programação cultural atinge pessoas de distintos interesses no centro da capital

Quando se fala do centro de Fortaleza, é comum pensar em compras, multidões e muita correria. Mas apesar de todo esse potencial comercial, o lugar abriga uma grande fonte histórica e cultural do nosso povo. Música, teatro, dança, entre outras manifestações artísticas, ocupam o centro e ajudam a construir a memória do cidadão fortalezense.

No coração da cidade, a Praça do Ferreira vira palco de diversos eventos culturais durante todo o ano. Especialmente neste mês, compõe a programação do espaço o Natal de Luz, com feirinha de artesanato, apresentação de coral no antigo edifício Excelsior e espetáculos teatrais nas outras extensões da praça.

A poucos metros dali, encontra-se o ícone da cultura cearense, o Teatro José de Alencar. Com espetáculos internos e na praça que leva seu nome, o local é referência cultural. O Espaço Cultural dos Correios também entra nesse roteiro e realiza a valorização da memória cultural brasileira, com suas exposições mensais.

Sobrado José Lourenço em reforma

Alguns locais são desconhecidos pelos próprios frequentadores, como o sobrado José Lourenço e a casa de Juvenal Galeno. A casa, herdada pelo poeta, compõe a programação cultural desde 1919. O local é usado como espaço de sociabilização em exposições de cordéis, seminários, encontros literários, musicais e lançamento de livros.

O Museu do Ceará, criado em 1932, dedica-se a mostrar detalhadamente a história do Estado. No térreo, encontra-se a exposição “Encantadores das Águas”, que contém relatos de índios tapebas a respeito da sua cultura, além de vídeos e fotografias do território indígena. Já no primeiro andar, há salas com peças arqueológicas, móveis antigos, maquetes e outros artefatos, visando a um diálogo com os visitantes a respeito da cultura cearense.

E engana-se quem pensa que no centro da cidade as manifestações artísticas são originárias apenas do Ceará e do resto do país. Para quem é aficionado pela história da Segunda Guerra Mundial, no Centro Cultural Banco do Nordeste está em exposição, até o final deste ano, uma mostra de vídeos sobre a Polônia, incluindo o período do nazismo, do artista polonês Artur Zmijewski. O famoso BNB, fundado em 1998, é um edifício com biblioteca, teatro, auditório e salões de exposição.

Apesar da programação cultural diversificada, o número de visitas diárias destes locais está aquém do esperado. A mediadora do BNB, Camila Alves, compara a situação de desvalorização da cultura local com a Padaria Espiritual, que mesmo estando à frente da Semana de 22, não teve tanta visibilidade. “A gente tem uma grandiosidade de discussão e de produção, mas ainda é uma área que não se sustenta. É o próprio paradoxo.”, reflete.

Antecipe sua programação cultural com alguns espaços culturais.

Quer saber mais sobre o Centro de Fortaleza? Confira o site: http://www.centrodefortaleza.com.br/

Débora Lopes e Bárbara Danthéias

One response to “Centro de Fortaleza é palco para a cultura cearense”

  1. lidesealgomais says :

    Atenção, meninas, é Theatro José de Alencar. Pq é importante escrever correto, pq como vcs mesmas mencionaram, é um ícone da Capital e do Estado. Centro tb se escreve com C maiúsculo. O texto está ótimo, o vídeo ficou muito bom, com edição, música, para além do q foi pedido. Senti falta apenas de gente na matéria. No final, é q vcs inserem a fala de alguém do BNB. E dos outros locais visitados, ñ tinha ninguém para falar? Gostei das fotos tb. De qualquer forma, parabéns pelo conteúdo.

    Nota: 9,5

Fala aí

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: